Detalhes

Adicionado por em 2022-06-22

Pela primeira vez na história desta publicação, decidimos produzir uma edição do Almanaque Uberlândia de Ontem e Sempre totalmente focada na história e memória da saúde em nossa cidade. Diferentemente das demais edições, como Uberlândia está vivendo um momento ímpar com os principais hospitais sendo adquiridos por grandes grupos, incluímos um esboço sobre o impacto dessas mudanças e as perspectivas quanto ao futuro desse segmento na cidade. Tivemos o apoio da Sociedade Médica e de outras instituições que nos permitiram produzir um almanaque que certamente é um registro valioso do trabalho notável de pessoas abnegadas. Como não localizamos nenhuma linha do tempo sobre a trajetória da saúde em Uberlândia, ousamos em tentar elaborar uma, que certamente está incompleta e pode ser até que equivocada em alguns dados, mas que será muito útil para ser aprimorada e complementada por estudiosos e historiadores. Difícil entender como não conseguimos identificar dados aparentemente básicos por falta de registros. Ou também por incompetência nossa de localizá-los. Mas o fato é que não obtivemos duas informações que buscamos em diferentes fontes: a primeira mulher e o primeiro negro que clinicaram em Uberlândia. Interessante ainda constatar que uma cidade do interior chegando aos 134 anos de existência teve apenas um médico como prefeito. Foi trabalhosa e desafiadora esta iniciativa, bem mais que as edições anteriores. Tivemos colaboração de muitos e, como não deveria ser, mas já nos acostumamos, o descaso e desinteresse de quem poderia contribuir muito.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*